sexta-feira, 15 de maio de 2009

Segredos do regime militar, segredos do lulo-petismo

Segredos do regime militar, segredos do lulo-petismo
Nesta última quarta-feira (dia 13 de maio), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva assinou Projeto de Lei que garante o acesso a documentos públicos. Segundo agências de notícia, o projeto prevê a publicação de informações sobre gestão, programas, projetos, metas, indicadores, licitações, contratos e prestação de contas do Governo Federal, Estados e municípios.

Além disso, Lula lançou o portal “Memórias Reveladas - Centro de Referência das Lutas Políticas no Brasil (1964-1985)”.

A que se destina o mencionado portal? À divulgação de informações contidas nos documentos sobre a resistência política, durante o chamado regime militar, aí incluída a luta armada, da qual participaram ocupantes do atual governo.

Durante a cerimônia no Palácio do Itamaraty, a ministra chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, afirmou que a criação do portal Memórias Reveladas, sobre a ditadura militar – à qual Lula tentou retirar o caráter revanchista – acaba com a “cultura do segredo de Estado, a qual está sendo superada pelos esforços do governo e da sociedade”.

A portaria do Executivo assinada por Dilma Rousseff, determina, sob pena de punição, a entrega de todos os arquivos da ditadura militar ao governo, como os da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), Polícia Federal e Conselho de Segurança Nacional (CSN), além do extinto Serviço Nacional de Informações (SNI).

Além disso, informou Paulo Vanucchi, secretário nacional de Direitos Humanos da Presidência da República, será lançada campanha publicitária para estimular a entrega de documentos, sob garantia de sigilo, que teriam sido, segundo ele, apropriados indevidamente por particulares.

Não há mais segredos de Estado no Brasil?

César Maia (DEM) faz hoje um breve comentário em seu Ex-blog a respeito da afirmação da Ministra Dilma Roussef sobre o fim do "segredo de Estado". O comentário é sintético, objetivo e em forma de questões, cujas respostas urgem, motivo pelo qual decidi transcrevê-lo. A seguir as palavras do ex-blog de César Maia:

  • " Dilma diz que "não há mais segredo de Estado no Brasil!”

    1. Há segredo de Estado no assassinato do Celso Daniel?
    2. Há segredo de Estado nas relações do Banco Rural com empresas estatais e o mensalão?
    3. Há segredo de Estado nos cartões corporativos da presidência?
    4. Há segredo de Estado na fusão das telefônicas?
    5. Há segredo de Estado em renovar depois de 26 anos a licitação de Angra 3?
    6. Há segredo de Estado nas contribuições da contravenção ao PT gaúcho?
    7. Há segredo de Estado nos contratos da Petrobrás?
    8. Há segredo de Estado na doação dos bingos à campanha do Lula?
    9. Há segredo de Estado na forma com que o PT pagou Duda Mendonça no exterior? "

Aqui termina o comentário de César Maia.

Perguntar não ofende. As respostas cabem ao governo, principalmente a Dilma Rousseff, para que, efetivamente, a cultura do segredo de Estado seja superada no Brasil!

Paulo Vanucchi, ao referir-se à alegada destruição de arquivos do período do regime militar, arrematou: “Os criminosos buscam sempre apagar os vestígios”.

É, parece que sim...

Cadastre seu email aí ao lado
e receba atualizações deste blog
888

6 comentários:

Malagoli disse...

Não haverá mais segredo de estado no Brasil? Que maravilha! Finalmente saberei de onde veio (dentre outras) aquela grana toda da cueca e quem sabe, até poderei descobrir como a explosão no Osasco Plaza Shopping, (aquela ocasionada por gás) foi a única no mundo a não causar um queimado sequer.
Malagoli

Alessandro Melo disse...

Dessa gentalha do PT eu espero tudo. Tudo mesmo

Anônimo disse...

Num artigo na Folha de S. Paulo de hoje, o Dr. Jorge Hage, ministro-chefe da Controladoria Geral da União,(Tendências e Debates),menciona sobre issso, vejamos esse trechinho: "A participação popular e o controle social são meros discursos vazios se não houver oferta ampla e farta de informação." Outra pérola: "Há o natural receio do mau uso da informação, da distorção dolosa de alguns setores que se opõem ao governo". OBSERVA-SE QUE PARA OPOR-SE AO GOVERNO, HAVERIA NECESSIDADE DE DISTORCER FATOS, FALSIFICAR CARTEIRINHAS COMO A DA EX-GUERRILHEIRA STELA(dilma housseff), INVENTAR A FARRA DAS PASSAGENS AÉREAS, DA GASTANÇA NO SENADO E NA CÂMARA, AS AÇÕES CRIMINOSAS DO MST etc.
O Post já menciona muitas. O
O Dr. Jorge Hage escreve em harmoniosa melodia com a tática cínica de um presidente que refugia-se num peculiar PATRIOTISMO quando a OPOSIÇÃO QUER ESCLARECER FATOS(especificamente o da Petrobrás). Mas não faltaram fatos para refugiar-se em outros peculiares valores tipicamente petistas.
2010 é ano eleitoral...bordão da campanha do PT, deverá ser a "transparência".(Em terra de cego quem tem um olho é rei)
(Si)

R disse...

Nunca vi tanto ataque ao que reivindicavam todos esses mesmos aí.
Como foi o Lula quem teve coragem, ficaram bravinhos.
então tá bom, estão com medo de quê? De aparecer que o grupo Folha foi um dos parceiros da ditadura?
Não tenham medo, pois só fará bem à democracia e esclarecerá a cabecinha dos futuros brasileiros. Vocês que já estão com os dias contados que vão tomar chá na varanda.

Malagoli disse...

E poderíamos saber Sta. "R", o por que de seu anonimato? Como já foi dito, perguntar não ofende. A propósito, procure nestes arquivos uma foto do que restou de Mário Kozel Filho após o atentado ao QG do II Exército; creio que a única coisa que permaneceu em pé nele é exatamente o que a senhorita está procurando agora. Bom proveito.

S. HAWKING disse...

Ótimas considerações, como sempre! Gostaria apenas de contribuir afirmando que os segredos do lula/PT não poderiam ser de Estado já que são segredos, comprovadamente, de QUADRILHAS.
Márcio E.